Posted in:

Como tratar Artrite a partir do Método Pilates?

KATHY-COREY-ARTRITE

De forma simplificada a artrite é a inflamação de uma articulação. A articulação é a junção de dois ossos – o local onde eles se encontram e nosso corpo tem 143 articulações diferentes.

Algumas delas, como as encontradas em nosso crânio e pelve, tem movimentos limitados ou até nenhum movimento. Mas outras, como as dos nossos dedos, ombros e joelhos tem uma ampla gama de movimento.

A artrite ocorre normalmente nas articulações com maior gama de movimentos.

As articulações mantém os ossos juntos e se movem de formas diferentes. O tornozelo, por exemplo é uma articulação deslizante que contém 2 ossos com superfícies planas que deslizam um sobre o outro.

Juntas articuladas, como as do nosso joelho e cotovelo, abrem e fecham como uma porta. Os polegares são um exemplo de articulações em sela, onde um osso com um final convexo se encaixa em outro osso com um final côncavo.

As articulações em sela se movem para cima, para baixo e para os lados, no entanto ela não roda.

Artrite
Artrite-2

A palavra artrite vem do grego, “arthron” significa articulação e “itis” significa inflamação.

A inflamação causa dores e rigidez, o que pode dificultar a execução dos mais simples movimentos, tais como abotoar sua camisa ou ligar o carro.

A artrite não é um incômodo só,ela engloba mais de 100 doenças diferentes, tais como:

  • Osteoartrite
  • Artrite Reumatoide
  • Gota
  • Espondilite Anquilosante
  • Artrite Juvenil
  • Lúpus
  • Esclerodermia
  • Fibromialgia

Osteoartrite

O tipo mais comum de artrite é a osteoartrite, que é responsável por mais de 85% dos casos, de acordo com uma Universidade americana.

Neste tipo de artrite, a cartilagem que fica envolta no final do osso se deteriora. Quando isso acontece, os ossos raspam com outros ossos, causando dor todas as vezes que movimenta as articulações.

Osteoartrite é uma doença degenerativa na articulação que ocorre mais comumente nos quadris, joelhos, costas e mãos. A rigidez faz com que piore a situação, e pode ser agravada ao passar do tempo com as atividades.

Geralmente resulta do desgaste, que pode ocorrer naturalmente enquanto você se desenvolve (osteoartrite acontece em pessoas com menos de 40 anos) já que sua cartilagem se torna mais frágil e perde a habilidade de se restaurar à medida que você envelhece.

Ela pode também ser causada por atividades repetitivas, como trabalhar em uma linha de montagem, dançar ballet, lançar bolas de baseball, e até mesmo digitar.

Lesões, tais como cartilagem rasgada, ossos quebrados ou cirurgias articular também podem contribuir para o início da doença.

Um péssimo alinhamento postural e peso em excesso, colocam maior tensão nas articulações, particularmente nos quadris e nos joelhos, fazendo com que a cartilagem quebre mais rápido.

Na realidade, toda vez que você ganha 500 gramas, você adiciona 1,5kg a mais de pressão nos seus joelhos e 3kg de pressão no seu quadril. E a cada 5kg de peso extra que você ganha, seu risco de contrair artrite aumenta em 1.4x.

Por fim, a osteoartrite é hereditária, então se alguém da sua família possui, você tem grandes chances de contraí-la.

Artrite-1

Artrite Reumatóide

A segunda artrite mais comum é a Artrite Reumatoide.

Enquanto a osteoartrite é geralmente por causa natural de envelhecer, a artrite reumatoide é uma doença autoimune, o que resulta em quando seu próprio corpo ataca seus próprios tecidos.

Um sistema imunológico normal e saudável protege o corpo da doença. Mas em quesitos autoimunes, como a artrite reumatoide, um defeito no sistema imunológico ou um vírus, pode fazer com que o sistema danifique suas próprias células.

Na artrite reumatoide, isso faz com que o revestimento das articulações inflame, que por sua vez quebra a proteção da cartilagem, resultando em danos aos ossos e tecidos circundantes. As articulações se tornam doloridas, inchadas, deformadas e instáveis.

A artrite reumatoide mais comumente afeta as articulações pequenas, como os pulsos, dedos, tornozelos e dedos do pé, mas também pode afetar ombros, cotovelos, quadris, joelhos e pescoço. Ela geralmente causa dor ou rigidez durante 30 minutos ou mais, comumente durante a manhã ou depois de um grande repouso ou inatividade.

Ela é bilateral, o que significa que frequentemente ocorre na mesma articulação dos dois lados do corpo.

Gota

Outra forma comum de artrite é a gota, que acontece quando cristais afiados de ácido úrico se acumulam nas articulações. A gota geralmente afeta articulações menores, especialmente o dedão do pé.

Homens são mais afetados, particularmente entre os 40 e 50 anos.

Essa doença costuma ser hereditárias e pode ser agravada por dietas, especialmente pelo álcool e alimentos ricos em purinas, como carnes de órgão e frutos do mar.

Como Ajudar a Melhorar?Artrite-6

Felizmente, o alívio está disponível. Apesar de não existir cura para a artrite, muitas pessoas conseguem controlar sua dor, e viver vidas completas.

Algumas técnicas e terapias:

Medicação: Uma grande variedade de medicamentos para o alívio das dores pode ajudar, desde os mais fracos até os mais fortes.

Exercícios: Pesquisas tem mostrado que o exercício é uma ferramenta essencial na hora de tratar as dores causadas pela artrite. O exercício reduz a dor na articulação e a rigidez, forma músculos mais fortes, e melhora a flexibilidade e a resistência.

Quente e Frio: Um bom banho quente ou uma bolsa térmica e luzes podem fazer com que você relaxe os músculos tensos e melhora a circulação. Já as bolsas térmicas geladas podem entorpecer as dores e reduzir a inflamação aguda e o inchaço.

Movimentos: Aprender a curvar, levantar, sentar e ficar de pé de formas que minimizam a tensão em sua articulação, pode reduzir a dor, assim como evitar atividades que piorem as articulações.

Massagem e Terapias Alternativas: Uma massagem gentil (feita por você ou por outra pessoa) pode trazer mais calor e relaxamento para as articulações doloridas. Acupuntura e terapias de ultra som tem sido conhecidas por trazer alívio para algumas pessoas.

Cirurgia: Em alguns casos, cirurgia para reparar ou até para substituir alguma articulação danificada, pode ajudar.

Mas por que o Pilates?Artrite-7

Entre todas as terapias para a artrite, os especialistas concordam que exercícios regulares é uma das mais importantes.

Os exercícios lubrificam as articulações, constroem cartilagem, fortalecem a musculatura e os ossos, e melhoram sobretudo sua saúde física e mental. Pilates é particularmente bom para a artrite porque ele pode ser moldado para as necessidades de cada um.

Por exemplo, exercícios isométricos, onde você contrai o músculo sem movimentar as articulações (como pressionar as palmas das mãos juntas, ou pressionar o braço contra a parede), pode ajudar quando a articulação está inflamada.

Exercícios isotônicos (onde o músculo e a articulação se movem juntos, assim como coordenação) são recomendados porque move o corpo através de toda sua gama de movimentos e constrói força.

Exercícios de cadeia fechada, onde a mão ou o pé se mantém em contato com uma superfície estável ou equipamento, são recomendados para quem sofre de artrite, pois eles colocam menos tensão nas articulações e trabalham vários grupos musculares ao mesmo tempo.

Em exercícios de cadeia aberta, como o Double Leg Stretch ou The Saw, seus membros superiores e inferiores não estão ligados a nada, então você pode movê-los livremente em qualquer direção.

Ao mesmo tempo que exercícios de cadeia aberta são bons para visar um único conjunto de músculos, eles tencionam mais as articulações, e devem ser realizados com uma resistência reduzida ao redor das articulações com artrite, e repetições limitadas.

Pilates para ArtriteArtrite-8

  1. Comece com um aquecimento e termine esfriando a musculatura.
  2. Comece com exercícios que trabalha os maiores grupos musculares (tronco, peito, abdômen, costas, ombros, quadril, pernas e braços).
  3. Faça todos os exercícios de maneira controla com técnica apropriada.
  4. Não segure a respiração!
  5. Exercite os dois lados da articulação para mantes os músculos balanceados.
  6. Use toda a amplitude possível para cada articulação.
  7. Diminua o ritmo ou pare se a dor aumentar ou novas dores aparecerem.

Avaliando o AlunoArtrite-3

O que perguntar para seus alunos com artrite:

  • Você consultou um médico e você tem o consentimento dele para começar um programa de exercícios?
  • Existe algum movimento ou posição que você precisa evitar, ou alguma restrição por causa da artrite, ou qualquer outro problema de saúde que eu deveria saber?
  • Quais precauções em geral nós precisamos tomar durante as aulas de Pilates?
  • Que tipo de medicação você está tomando?

Concluindo…Artrite 4

Através de um equilíbrio de exercícios de fortalecimento e alongamento, o Pilates pode ajudar a reduzir a rigidez dos músculos e melhorar a mobilidade da articulação.

Com a assistência de molas e elásticos, quase todos os portadores de artrite podem se movimentar de forma segura e controlada. Ao trabalhar de uma forma sem dor, nosso objetivo é fortalecer os músculos em volta das articulações.

A eficiência, alinhada com os movimentos do Pilates, ajudam a proteger as articulações, e melhoram a flexibilidade e biomecânica. Isso resulta em menos pressão nas articulações, e menos pressão significa menos desgasto, e menos desgasto significa menos dor.

Written by Kathy Corey

Kathy Corey

Kathy Corey é uma Master Teacher que começou sua carreira no Pilates em 1979. Ela tem sido uma líder especialista no universo do Pilates por mais de 35 anos e é a Diretora do Kathy Corey Pilates. Seu programa de Certificação é ensinado ao redor dos Estados Unidos e seu programa de Capacitação Continuada estão em mais de 20 países.

2 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *