Posted in:

Como profissionais de Educação Física podem trabalhar com Pilates?

PILATES-EDUCADORES-FISICOS
Como profissionais de Educação Física podem trabalhar com Pilates?
5 (100%) 1 vote

O Método Pilates, como é de conhecimento geral, é aplicado tanto por Fisioterapeutas quanto por profissionais de Educação Física.

Os profissionais de Educação Física possuem uma base teórica e prática que permite que o Método seja aplicado não somente em Studio e aulas de Pilates, mas seja expandido e contribua para melhorar a qualidade do serviço como Personal Trainer, por exemplo.

Se você é profissional de Educação Física e apenas ouviu falar sobre Pilates, viu algumas publicações na internet, está na hora de experimentar. E eu estou aqui para te ajudar com isso.

Leia este artigo até o final e pense novamente sobre o Pilates para profissionais de Educação Física. Certo? Vamos lá.

Pilates para Profissionais de Educação FísicaPILATES-PARA-EDUCARES-FISICOS

Antes de mais nada, você precisa obter duas informações: primeiramente sentir como é a atividade. Em segundo lugar, entender e poder explicar o que é, caso algum aluno questione.

Muitas pessoas estão procurando uma atividade para praticar e, influenciadas por médicos ou conhecidos, as oportunidades do mercado estão se abrindo, os alunos pesquisando.

Sou graduada em Educação Física pela UNESP desde 2007. Eu não tive contato com Pilates durante a faculdade, e este conteúdo está ainda distante da realidade acadêmica, apesar de ser assunto em Pós Graduações e possuir diversas pesquisas publicadas.

Isso me faz pensar: como nossa área está em constante evolução e estudo. E quando menos esperamos, surge uma nova forma de aplicar exercícios, com novo nome, enfim… é uma evolução constante.

O Mercado de TrabalhoPILATES-PARA-EDUCARES-FISICOS

Se a intenção do profissional for ingressar numa nova área dentro de sua formação, o Método Pilates oferece uma extensa lista de lugares em que há procura por profissionais autônomos, como cruzeiros marítimos, hotéis, spas, resorts, que além de oferecer recreação, também possuem academia e Studio de Pilates – e, nesse caso, a procura por profissionais depende das altas temporadas e da procura.

Onde há concentração de pessoas, oferecer serviços de Pilates pode ser bem atrativo. Empresas, academias, condomínios (predial ou residencial) e clubes (recreativos e times desportivos) são alguns exemplos.

Atualmente os grandes times de futebol tem apostado em exercícios de Pilates e funcionais para melhorar o rendimento dos atletas, fortalecer a musculatura estabilizadora do tronco (muito ativada nos treinos e jogos) e reduzir o índice de lesões e afastamento dos treinos

Um profissional autônomo pode prestar serviços em vários lugares e possuir o seu próprio local de trabalho, por isso o método traz um leque de opções para o educador atuar e obter sua independência financeira.

‏Rendimentos Extras educação-fisica

Um profissional diferenciado e com capacidade de se adequar as diversidades que a Educação Física proporciona será bem remunerado pelo conhecimento que aplica e que demonstra resultados satisfatórios.

‏Estamos vivenciando uma fase na economia que exige da maioria dos brasileiros um reajuste nas decisões a serem tomadas, e alguns seguimentos considerados “supérfluos” estarão na lista de cortes de gastos.

Para uns, academia pode ser um item dispensável, mas para outros não.

Em contrapartida, a preocupação com a saúde e bem estar se mantém, apresentando uma boa notícia para os profissionais da área.

Os locais que apresentam um atendimento diferenciado e agradam seus clientes possuem uma maior fidelidade, e a crise, nem passa perto.

Pense: quem não quer viver mais tempo? Viver mais e com saúde? Quantos clientes você sabe que o médico mandou realizar uma atividade física? Quanto custa sua saúde?

Educador Físico: trabalhando com diferentes públicos no PilatesPILATES-PARA-EDUCARES-FISICOS

O professor de Educação Física é conhecido pela versatilidade e criatividade, e mais do que isso, profundo conhecedor de diversos esportes e práticas corporais.

O constante e elevado crescimento do número de praticantes do Método Pilates gera a certeza que cada vez mais haverá oportunidades de ingressar e se manter trabalhando na área.

O público se tornará cada vez mais exigente e o mercado estará a procura de profissionais que estejam preparados.

A seguir, alguns públicos que o profissional da Educação Física pode atuar e aplicar o Método Pilates.

‏Crianças e Adolescentespilates-para-crianças

Atuando com Pilates desde 2008, acompanho a procura pela prática e observo que educadores possuem um dom especial para lidar com crianças, e há uma busca por profissionais criativos e recreativos.

Muitas mães querem colocar seus filhos em atividades físicas, se possível, realizar junto com eles, devido ao tempo livre reduzido, e para praticarem algo que também proporciona benefícios para elas.

Ministrar aula para mãe e filho não é novidade, desde a gestação, passando pela fase pós parto, em que a mamãe não quer deixar a atividade, e quer que a criança esteja presente, até a adolescência.

Crianças e adolescentes com alterações posturais que realizam aulas de Pilates, melhoram muito o alinhamento corporal, muitos estudos tem comprovado.

Crianças especiais também podem realizar essa atividade, adaptada às suas necessidades.

Atletaseducação-fisica

Bailarinos e artistas circenses foram os primeiros a provarem os “milagres” do Método de Joseph Pilates, e hoje, com a difusão no mundo todo, muitos esportes tem recorrido a essa prática para potencializar ou recuperar lesões de atletas de alto rendimento.

Existem estudos e uma divulgação crescente do uso do Pilates por nadadores, maratonistas, ciclistas, triatletas, jogadores de handebol, futebol, e representa um fortalecimento extra, sem impacto, que pode recuperar lesões e equilibrar a musculatura, tornando o atleta cada vez mais saudável.

Em fotos divulgadas na internet, podemos ver o time do Bayern de Munique realizando alguns exercícios, ainda sob o comando de Pepe Guardiola.

Um profissional será muito valorizado se, conhece bem o esporte e aplica o Método de forma consciente, respeitando a periodização e ciclos de recuperação. Para o atleta e para o clube, o resultados positivos, não tem preço.

Idosospilates-para-educador-fisico

A partir dos 30 anos de idade (essa realidade é triste), nosso corpo inicia o declínio de todas as suas funções, mas a realização de atividade física regular, “diz” ao seu corpo para combater a velocidade da queda, avisando que há uma necessidade de manter-se ativo e jovem.

Muitos estudos comprovam a eficácia dos exercícios na luta contra o envelhecimento.

Sarcopenia, osteopenia, osteoporose, complicações cardiovasculares, diabetes são patologias comuns no processo de envelhecimento, que são atenuadas com a prática de exercícios regulares, existem muitos estudos com idosos comprovando a eficácia do Método para essa população, além de proporcionar melhora de funções que estavam perdidas.

O clássico exemplo do amarrar os sapatos, que parece simples, para quem não conseguia mais e depois do Pilates, voltou a conseguir, representa um avanço para o aluno e para o professor, que através da utilização do Método, colhe frutos no cotidiano dos alunos, com a transferência de aprendizagem e alcançando os objetivos e indo muito além das expectativas.

Avaliação ConstanteCONDICIONAMENTO-FISICO 03

Avaliar e reavaliar constantemente é um mecanismo, pelo qual, nossos alunos podem ver, tudo o que está acontecendo com seu corpo, inclusive o aumento na altura, com a melhora da postura, alongamento da coluna alcançado com as aulas.

O Método proporciona uma aplicação evolutiva, ou seja, a cada ciclo, é possível aumentar a dificuldade dos exercícios e desafiar os limites do seu aluno, com segurança.

Tire as conclusões necessárias para traçar o novo plano de aulas para surpreender seu aluno e alcançar novos objetivos.

Assim, a cada reavaliação ele reconhece que seu trabalho é satisfatório e será fiel, além de indicar novos alunos, o que contribui para estar em ascensão no mercado do Pilates.

Afinal, quem não quer obter sucesso na profissão que escolheu?

Concluindo…PILATES-PARA-EDUCARES-FISICOS-7

Existe um mercado de trabalho em expansão e constante crescimento, que condiz com as expectativas de um público exigente.

Quero abrir os olhos dos profissionais que ainda não atuam com Pilates, que possuem somente alguma opinião sobre o Método, experimentem!

Além de surpreender com o que ele pode fazer pelo seu corpo, neste artigo, listei lugares e públicos variados que podemos atender. Se a palavra da vez é criatividade na crise, invista no ramo que mais cresce!

O que achou desse artigo? Tem algo a acrescentar? Conta pra gente!

Written by Luciana Casemiro Ramos

Luciana Casemiro Ramos

Licenciatura Plena em Educação Física - Unesp Bauru - 2007
Bacharelado em Fisioterapia - Fib - Bauru - 2010
Cursos de Pilates Solo e Aparelhos desde 2008
Curso de Pilates aplicado as Patologias da Coluna Vertebral - Metacorpus - 2011
Proprietária de 2 Studios e Coordenadora da Terceira Unidade
Instrutora Voll desde 2015
Pós Graduanda em Fisiologia do Exercicio, emagrecimento e nutrição esportiva

13 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *