Posted in:

Pilates na menopausa: vida saudável e feliz

Pilates na menopausa: vida saudável e feliz
Gostou? Avalie!

O Climatério é a fase que antecede a Menopausa, em que o corpo da mulher se prepara para a sua chegada. Esse período começa por volta dos 38 anos e é marcado pelas primeiras ondas de calor, e por irregularidades na menstruação (o fluxo pode não descer de tempos em tempos).

A queixa mais famosa é o fogacho, um calor súbito em ondas que acomete a região do rosto e do pescoço. Do mesmo jeito que surge, ele desaparece. O sono também acaba prejudicado, a pele resseca, os ossos enfraquecem, favorecendo a osteoporose, e a mucosa vaginal perde a lubrificação, dificultando a atividade sexual. Muda até o jeito de distribuição de gordura no corpo, que fica mais acumulada na cintura e na barriga. Algumas mulheres entram em depressão. Tem gente, porém, que não sente absolutamente nada.

Como lidar com a menopausa

menopausa (1)A menopausa é uma fase da vida, quando as mulheres se tornam profundamente preocupadas com o envelhecimento, digo o envelhecimento em termos de saúde pois a maioria delas sentem-se jovens mentalmente. Algumas sentem que o melhor da vida ficou para trás, como o seu corpo começa a demonstrar desagradáveis mudanças e suas emoções parecem correr fora de controle. Muitas dessas mudanças afetam o modo como as mulheres se sentem sobre si mesmas, a sua capacidade de realizar atividades regulares, e começam assim a preocupar-se com a velhice o que afeta diretamente suas emoções.

A menopausa ocorre geralmente num momento em que as mulheres também estão experimentando menos exigências de suas famílias e da vida quotidiana. Isso abre a possibilidade de um novo começo, em que elas são capazes de se concentrar em si, prosseguir suas paixões e hobbies deixados para trás e viver a vida em sua plenitude.

Para amenizar a chegada da Menopausa é essencial que a mulher se prepare para esse período adotando uma dieta saudável desde cedo, praticando exercícios e evitando hábitos nocivos, como fumar e abusar de bebidas alcoólicas. Manter o peso dentro do ideal para o seu tipo físico também é importantíssimo.

Normalmente o tratamento é feito com reposição hormonal, que costuma amenizar todos os sintomas, por meio de comprimidos, injeções, adesivos ou cremes vaginais. Os médicos avaliam cada caso e juntos escolhem a melhor opção; mulheres obesas, que sofrem de diabetes, pressão alta ou que apresentam fatores de risco para câncer de mama (como quem tem um caso próximo na família, por exemplo), podem recorrer a tratamentos com medicamentos à base de plantas medicinais.

Como se preparar para a menopausa

menopausa (5)A mudança de hábitos de vida é fundamental. Isso envolve mudanças comportamentais. Ela precisa dedicar-se a atividades que lhe deem prazer, resgatem sua autoestima e a estimulem mentalmente. É importante aceitar novos desafios, como um curso de informática, se nunca mexeu com computadores, frequentar uma faculdade de terceira idade para ampliar os horizontes, resgatar o convívio com os amigos e rever o tipo de relacionamento e vínculo estabelecido com as pessoas da família.

Atividade física é fundamental. Além de prevenir a osteoporose, está provado que melhora o humor e a memória. O exercício físico não só aumenta a secreção de endorfinas, opioides endógenos que funcionam como analgésicos naturais, mas também aumenta a secreção de serotonina, um hormônio neurotransmissor que interfere positivamente no estado afetivo da mulher.

As mudanças na dieta são recomendáveis, porque nesse período há alterações do metabolismo. Muitas mulheres acham que engordam porque estão fazendo reposição hormonal, outro mito. Na realidade, nessa faixa etária, a mesma ingesta calórica dos anos anteriores produz sobrepeso por causa da redução da atividade metabólica e não por causa dos hormônios. A Sociedade Brasileira do Climatério desenvolveu um programa nutricional eficiente que ajuda mulheres a controlar o peso na menopausa. Vale a pena conhecê-lo, fica a dica.

Pilates no auxílio da menopausa

menopausa (2)Percebo em minhas alunas nesta fase da vida o quanto o Pilates auxilia nesse processo, sua capacidade de impacto no corpo, mente e espírito. Procuro utilizar exercícios para trazer sensibilização e condicionamento de áreas-chave das mulheres, que as façam sentir a sua fisiologia, vivenciar o seu corpo, ouvi-lo, senti-lo, temos a possibilidade de diminuir vários dos sintomas da menopausa através dessas vivências em nossas aulas de Pilates, ouvimos esses relatos constantemente. A superação desses desafios pode proporcionar uma sensação de autonomia e a energia positiva de abordar esta fase maravilhosa da vida com uma atitude alegre e bem-humorada.

É importante fornecer um plano de aula/tratamento para trabalhar com clientes que estão experimentando os sintomas da menopausa ou mesmo os que já estão vivendo as dificuldades desta fase. Depois deve escolher exercícios que englobe várias áreas importantes do corpo focando melhorar o senso de confiança, que estimule a sua percepção em relação a sua aparência.

Que tenha desafios a sua capacidade para continuar realização de suas atividades diárias e que a estimule em seu estado emocional para viver o presente e cada momento cheio de possibilidades e novos objetivos.

Desafiando o equilíbrio, a coordenação motora e a postura tornando essa mulher mais forte e flexível, tudo se tornará mais agradável além de contribuir para a ressocialização que também ocorre nessa fase, criando novas amizades fazendo parte de outros grupos e sentindo-se útil e independente, ativamente participativa em sua própria vida, de sua família e amigos.

O movimento do corpo

menopausa (3)Em nossas aulas buscamos pensar nas possibilidades que o movimento pode proporcionar ao corpo que está passando pelas mudanças da menopausa, em que podem ajudar a suportar essas mudanças e alguns dos sintomas associados a ela.

Nos últimos anos tornou-se evidente para mim que as mulheres na menopausa precisam de um programa específico que inclui treinamento de força (para a saúde óssea), exercícios cardiovasculares (para o equilíbrio hormonal e controle de peso), exercícios de equilíbrio. É muito importante o alongamento e liberação miofascial, respiração e relaxamento para redução de stress.

Outros tratamento e cuidados também são bem vindos como a drenagem linfática, o toque, redefinindo assim o habito de sedentarismo e permitindo-se cuidar de si própria. Neste momento a maioria das mulheres deve permanecer ativa, disposta e mentalmente plena.

Sinto em minhas clientes realmente que elas querem que seus corpos continuem a funcionar bem em seus setenta anos ou mais. Para isso, elas têm que começar a trabalhar de forma mais inteligente e isso pode ser mais difícil de fazer na fase mais avançada da idade, onde elas já estão em outro momento não tão ativo e mais voltadas as experiências funcionais e com muitas limitações.

No início da fase de envelhecimento, na Menopausa é o período ideal para estabelecer esses conceitos e procuro orientá-las a repensar seu programa de exercícios e estilo de vida.

As mulheres de hoje são muito mais ativas, informadas e focadas em sua saúde e fitness do que eram há várias décadas. Muitas têm o hábito de se exercitar por anos e não estão prestes a parar agora, porque estão atingindo uma certa idade. A vida não para aos cinquenta anos, sessenta ou mais, este grupo de mulheres devem lidar com as mudanças que essa fase traz.

Concluindo..

menopausa (4)Pilates é uma experiência de corpo e mente assim como a menopausa é. Podemos usar a filosofia do Pilates para ajudar as mulheres a viverem esta fase em sua plenitude. Existem sintomas criados pela mente; há mudanças no corpo e um despertar da alma ou espírito dessas mulheres.

Pode ser um tempo verdadeiramente surpreendente se forem ofertadas as ferramentas necessárias para lidar com os ensaios e atribulações da menopausa.

Pilates é uma ferramenta maravilhosa para alcançar esses objetivos ajudando a manter uma atitude positiva e o senso de humor.

Acho importante buscar estratégias de trabalho, pensamentos e vivencias sobre a melhor forma de preparar minhas clientes para a menopausa. Assim como lidar com as mudanças que ocorrem em meu próprio corpo, pois já estou me preparando para esta fase e o corpo e mente delas, antes, durante e após esse período.

E você? Como as ajuda a enfrentar os efeitos da Menopausa?

Aguardo os comentários e sugestões de vocês!

Written by Sandra Mara Ribeiro

Sandra Mara Ribeiro

Bacharel em Educação Física, foi Bailarina na adolescência sempre esteve em contato com metodologias ligadas a Alongamento e ao Movimento. Docente em 03 diferentes Cursos de Pós-Graduação em Pilates; Certificada em Pilates pela Physio Pilates – Polestar; Pós-graduada em Pilates Funcional e Condicionante pela Unicenp de Curitiba em 2008 com 590 h/aula; Pós-graduada em reabilitação cardíaca e grupos especiais pela UGF em 2008;Pós-graduada em Fisiologia do exercício pela UGF em 2008; Certificada PMA - CTP Pilates Method Alliance – 2015; Realizou seu 1º Curso de Formação em Pilates em 2001 e a partir de 2004 abriu seu estúdio, onde trabalhou como Personal Trainer e Instrutora de Pilates além de diversas outras áreas ligadas a saúde e bem estar, atualmente é sócia-proprietária do Stúdio’S Cursos e Pilates Trainer onde além de dar aulas, promove cursos e realiza palestras na área de Pilates e saúde, Mentora e coordenadora do Curso de Formação em Pilates Instrutor do Stúdio’S Cursos.

5 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *