Posted in:

Pilates para dor na coluna: o método pode ajudar

pilates para dor na coluna

Segundo estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS) cerca de 80% da população mundial já teve, tem ou ainda terá dor na coluna pelo menos uma vez na vida.

Uma das principais causas dessas dores na coluna é com certeza a má postura durante o dia, ao realizar as tarefas de casa, os estudos ou até mesmo sentado na mesa do trabalho.

É necessário um maior cuidado principalmente com a coluna vertebral, pois é ela quem vai prover a flexibilidade e a estabilidade que o seu corpo precisa.

No entanto, a correção postural é um trabalho que será realizado a longo prazo e isto requer muito esforço e aprendizado diário, pois algo que foi sendo debilitado no decorrer dos anos, não será corrigido de um dia para o outro.

“Um jovem com a coluna rígida é um velho e um velho com a coluna flexível é um jovem.”

pilates para dor na coluna (3)

Assim, para uma pessoa com problemas originalmente na coluna vertebral, o que lhe ocasiona dor na coluna, podemos sugerir o método Pilates.

Pois além do Método Pilates proporcionar a melhora da forma física, ele é usado mundialmente para tratar disfunções da coluna vertebral que afetam pessoas de todas as idades, disfunções estas que são consideradas um dos principais e mais sérios problemas de saúde da sociedade moderna, como podemos observar em várias pesquisas.

É importante frisar que não só o profissional é responsável pela melhora da condição do cliente. Para o resultado ser completo 50% é parte do instrutor de Pilates, e os outros 50% são de total responsabilidade do aluno no cumprimento dos exercícios dados em aula assim como os exercícios passados para serem feitos em casa.

Exercícios para não sentir Dor na Coluna

pilates para dor na coluna (4)

Os exercícios podem ser indicados para reorganizar desvios posturais tais como escoliose, hipercifose e hiperlordose, assim como estabilizar a coluna lombar que contém doenças como hérnia de disco e instabilidades muscular segmentar.

O método Pilates promove um equilíbrio neuromuscular e hipertrofia organizada (força e flexibilidade) tratando e prevenindo problemas decorrentes de posturas e hábitos diários incorretos que podem ser adquiridos na hora de sentar, dirigir, andar e até em atividades esportivas e profissionais.

Para minimizar a dor na coluna e os danos causados à esta é essencial ter em mente que a postura correta é uma consideração de grande importância na manutenção de uma coluna saudável, e assim devem ser evitadas posturas nas quais os pés estejam desleixados fazendo com que todo o peso esteja sendo descarregado em apenas uma das pernas.

Uma das principais causas de dor na coluna é a fraqueza da musculatura profunda desta coluna, a qual é responsável pela estabilização das vértebras.

Considerando essa debilidade, os exercícios de Pilates promovem o fortalecimento dessa musculatura, reduzindo as sobrecargas nas estruturas passivas da coluna como disco intervertebral, ligamentos, vasos e articulações.

É muito importante deixar claro que diferente de muitos outros métodos terapêuticos, o Pilates pode tratar essa dor na coluna de forma definitiva.

pilates para dor na coluna (2)

Os exercícios que são melhor indicados fazem parte do repertório original do Mat Pilates, Studio Pilates e Pilates Acessórios com o uso de magic circle, form roller, bosu, balance disk e elastic band.

O tempo de tratamento vai depender da disfunção da coluna e do tempo que o paciente terá para se dedicar as aulas de Pilates Clássico Científico.

O tratamento deverá ter uma frequência mínima de três vezes por semana. O método Pilates não é simplesmente um método de tratamento, mas sim de qualidade de vida.

Assim, após o período de tratamento, o paciente se transforma em aluno que continuará a prática do método como condicionamento físico e melhora da qualidade de vida.

Outra prática que pode ser enfatizada aqui é o alongamento dos músculos do tronco, o que reafirma que o nosso corpo deve ser forte e flexível e que o equilíbrio entre a mente e o corpo é fundamental para a manutenção da nossa saúde, e da vitalidade do nosso corpo.

Concluindo…pilates para dor na coluna (6)

É de extrema importância frisar que a prática do Método Pilates para a reabilitação ou para o condicionamento físico deve ser feita com profissionais especializados, com conhecimento científico do método para que assim o tratamento seja eficaz.

O profissional qualificado saberá exatamente qual a melhor forma de tratar as diferentes condições apresentadas em seu Studio, por isso é necessário recorrer à um instrutor com os conhecimentos necessários para cada reabilitação.

Não se aceitam mais tratamentos ou técnicas empíricas sem evidências práticas e comprovação científica.

Written by Phd Eliane Coutinho

Phd Eliane Coutinho

Com formação sólida, a fisioterapeuta é especialista em Avaliação do Aparelho Locomotor, Mestre em Processos de Avaliação e Intervenção em Fisioterapia pela UFSCar-SP e Doutora-PHD em Fisioterapia: Subárea em Plasticidade Músculo Esquelética pela UFSCar-SP com parceria com a Unicamp-Campinas e atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutorado no Método Pilates na USP-SP. Possui formação no Método Pilates Clássico. Também é certificada em Water Pilates pela Aquatic Exercise Association (AEA), nos Estados Unidos.

5 posts

1 Comentário

Deixe um Comentário
  1. Boa noite. Meu nome é Rita e faço pilates a um ano três vezes por semana. Realmente foia uúnica coisa que conseguiu melhorar minhas dotes. Hj posso de fizer que já sou outra pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *