Posted in:

O Pilates em movimento – Original, contemporâneo ou científico?

tipos-de-Pilates
O Pilates em movimento – Original, contemporâneo ou científico?
Gostou? Avalie!

A palavra movimento, em sua definição, é o ato ou efeito de mover-se. Deslocação, mudança de lugar ou posição, evolução. O Método Pilates traz em sua essência o puro conceito de movimento. Propõe a mudança do corpo e da mente pela prática adequada do movimento corporal.

O Método Pilates começou a ganhar forma em 1914, durante a Primeira Guerra Mundial, quando Joseph Hubertus Pilates foi preso pelas autoridades britânicas e levado para um campo de concentração, onde começou a desenvolver intensamente o seu conceito para a prática de exercícios físicos, que chamou de “contrologia”. Baseado em sua vivência e observação de fenômenos durante essa prática, Joe elaborou, de forma brilhante, seis princípios para o controle da mente sobre o corpo, bem como a precisão e a harmonia com que os movimentos devem ser realizados durante os exercícios físicos.

Hoje, os princípios da prática e os equipamentos do mestre Joseph Pilates movimentaram-se, ganharam o mundo. Da mesma forma, o entendimento da neurofisiologia e da biomêcanica corporal. Hoje, o mundo Pilates cria, debate e elabora.

Alguns entendem e aplicam o Método de maneira original, acreditando na manutenção e preservação da sua originalidade, seguindo as mesmas sequências de exercícios elaboradas pelo mestre. Outros arrojaram, criaram, conjugando novos exercícios e equipamentos para aplicação do Método, acreditando em uma forma mais contemporânea de sua aplicação. Há ainda aqueles que buscam acrescer na aplicação do Método, as evidências científicas, embasado nos atuais conceitos da neurofisiologia e biomêcanica humana. No entanto, nenhuma dessas maneiras de pensar e aplicar o Método Pilates deixam de creditar e exercer todos os seis principios elaborados por  Joseph Pilates para a prática dos exercício físicos.

Todo esse movimento de ideias também move questionamentos: qual a melhor forma de aplicar o Pilates nos dias de hoje?

Sempre me pergunto qual seria a opinião do mestre Joseph Pilates. Ele não mudaria nada em sua aplicação, mantendo sua completa originalidade? Ele agregaria uma maior quantidade de exercícios utilizando novos equipamentos, aproveitando toda a criatividade contemporânea? Ele acrescentaria no Método todo conhecimento cientifico da neurofisiologia e biomecânica humana dos dias de hoje? Não sei. Acho que poderiamos fazer essas perguntas para  Lolita San Miguel, a única discipula certificada por Joseph Pilates ainda viva, que estará no Brasil em maio de 2016. Talvez pela sua convivência e proximidade com o mestre, ela possa nos elucidar de qual poderia ser a resposta de Joseph.

Leia aqui a exclusiva na íntegra do Blog Pilates com Lolita San Miguel

No dia 20 de outubro de 2000, nos Estados Unidos, foi divulgada a decisão da Corte Federal de Nova Iorque que o nome Pilates tornava-se de uso público, por se tratar do nome de um Método de trabalho. A partir daí o mundo Pilates se movimentou. Hoje, Pilates é original, Pilates é contemporâneo, Pilates é científico, Pilates é pop.

Respeitando e entendendo que todo ponto de vista é a visto de um ponto. Qual é a sua opinião?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *