Posted in:

Trabalhando com Hipercifose no Pilates

HIPERCIFOSE

A hipercifose torácica é o aumento da curvatura na região das vértebras torácicas, pode ser patológica ou postural, neste texto iremos abordar a questão postural, influi diretamente no agravo da doença.

Costuma ser mais frequente em mulheres, mas na realidade não é definida como uma patologia da coluna e sim uma posição em que o indivíduo realiza em suas atividades do dia a dia é que pode ser a causa dessa curvatura.

Como podemos observar abaixo, um indivíduo com Hipercifose torácica apresenta também outras alterações posturais que devem ser levadas em consideração durante a prescrição dos exercícios.

A seguir, iremos observar como essa patologia ocorre no corpo e como corrigir esse problema de forma eficaz.

Apresentando a Hipercifose

Analisamos e definimos a patologia a partir de traços muito específico e visíveis no aluno, sua postura mostra claramente o problema, como na foto a seguir:

A projeção da cabeça para frente, ombros em rotação interna, hiperlordose lombar e pelve em retroversão estão entre as alterações mais comuns. Hipercifose no Pilates

A seguir algumas imagens com dicas de exercícios a serem trabalhados na hipercifose torácica.

Como tratar a Hipercifose

Nesta primeira imagem é necessário ressaltar a importância de trabalhar com a coluna neutra, ou seja, mantendo as curvaturas fisiológicas da coluna vertebral com fins de proporcionar consciência corporal, adequando tal posicionamento em todos os exercícios e consequentemente ao dia-a-dia. Hipercifose no Pilates 1

Exercícios que visam a estabilidade da coluna cervical e extensão da coluna torácica podem ser aplicados a indivíduos com Hipercifose torácica para fortalecer a musculatura estabilizadora da coluna cervical e ganhar mobilidade em extensão da coluna torácica.

Hipercifose no Pilates 2

Exercícios que combinam rotação e extensão da coluna torácica auxiliam no ganho de mobilidade da coluna torácica, além de realizar a rotação externa do ombro, realizando também o alongamento da cadeia anterior do tronco que se encontra encurtada devido a rotação interna  e protusão do ombro.

Hipercifose no Pilates 3Exercícios visando o fortalecimento do power house ou core, além de manter a coluna neutra trabalham também a consciência corporal. Hipercifose no Pilates 4Hipercifose no Pilates 5O trabalho de mobilidade integrada também se faz importante, neste caso podemos trabalhar mobilidade de ombro e cadeia lateral do tronco. Hipercifose no Pilates 6Exercícios para trabalho da musculatura estabilizadora da cintura escapular iram auxiliar na melhora da postura e fortalecimento de membros superiores. Hipercifose no Pilates 7Integrar força de membros superiores, flexibilidade e postura é tudo que um indivíduo com Hipercifose precisa.

A posição dos ombros em rotação interna, além das alterações na coluna vertebral, corroboram com menor força nos membros superiores, além de sensação de cansaço nos membros superiores.

Além disso, a manutenção da postura se torna extremamente exaustiva podendo levar a fadiga da musculatura estabilizadora rapidamente.

Uma dica que pode contribuir para diminuir esta fadiga é alternar os decúbitos, para então mais tarde prolongar o tempo de estimulo para manutenção da postura, com exercícios que visam a resistência muscular.

exercicios hipercifose no pilates 2

Outro exercício indispensável é a prancha lateral, neste exercício trabalhamos o fortalecimento de membros superiores, estabilidade de ombro, cintura escapular e coluna vertebral, além da manutenção da postura.

exercicios hipercifose no pilatesConcluindo…

Ao trabalhar com Hipercifose torácica devemos priorizar a coluna neutra evitando exercícios que reforçam ainda mais o padrão de flexão da coluna torácica.

Promover o equilíbrio entre mobilidade e estabilidade não só da coluna vertebral mas também de todas as articulações, desenvolver força e resistência muscular a fim de promover a manutenção da postura através também do fortalecimento do power house.

Gostou das dicas? Conta para a gente nos comentários!

Written by Andréia Souza

Andréia Souza

Fisioterapeuta. Pós-Graduada em Fisiologia do Exercício. Formação em Pilates, Estabilização Clinico Funcional, Treinamento Funcional, Suspensus, Treinadora Grupo VOLL ministra cursos Espaço Vida Pilates e Pilates Avançado. Florianópolis/ SC. Brasil.

9 posts

48 Comentários

Deixe um Comentário
  1. Ótimo trabalho…sou fisioterapeuta e atendo alguns clientes no Pilates com este problema.. é sempre bom aprender mais.obrigada.

  2. Tenho acompanhado os cursos da Voll pilates e estou muito satisfeita com todas as informações.Só me faz agregar conhecimento auxiliando-me a ser uma profissional mais qualificada!
    Grata!

  3. Tenho esse problema na coluna má postura e gostaria de converte essa situação sofro muito. …pilates pode resolver e melhorar esse problema?

  4. Ótimo artigo…de extrema ajuda para mim..tenho clientes assim!
    Muitíssimo obrigada!
    Alguns exercicios eu já utilizo..estou no caminho certo. Os outros vou acrescentar. Valeu demais..parabéns!

  5. Gratidão colegas. O feedback é motivador e inspirador para que possamos seguir buscando o melhor…para informar e transferir tudo que aprendemos e vivenciamos, e é claro aprender sempre com cada dica, com cada troca de palavras com outros colegas, cada vez buscando mais conhecimento! Gratidão 🙏

  6. Olá, gostei do artigo, minha irmã que fica mim avisando sobre minha coluna mim indicou seu artigo, no meu caso eu não sei exatamente se é hereditário mas meu pai e meu tio também tem uma predisposição a ser “jibudo”, no meu caso a minha coluna e digamos naturalmente pra frente,eu vejo que meus ombros ficam meio que pra frente demais também, minha irmã mim avisa o tempo sobre manter a coluna ereta, e eu a todo momento jogo os ombros pra trás e o peito pra frente mas depois eu começo a sentir uma dor no pescoço e nos ombros e tal, e mesmo eu tentando manter a coluna reta ainda fico meio jibudo. Eu sei da importância de manter a postura e faço isso diariamente, mas eu sinto na maioria das vezes um peso nao pescoço. Hoje eu ainda melhorei, sempre procuro manter a coluna reta, sentar na cadeia de modo certo, mas ainda sinto um desconforto, enquanto alguns caras não precisam nem se preocupar que a coluna já fica retinha, também não sou sedentário, sei que exercícios físicos fortalecem a musculatura da coluna. Entretanto a meu ver parece que preciso de algo mais efetivo de fato, como esses exercícios citados o que acha? Espero sua resposta! Obrigado.

    • Olá Ramon, certamente você precisa de exercícios específicos para a coluna. E os exercícios citados acima são muito recomendados para cifose. No entanto é preciso considerar que cada indivíduo é unico e assim é preciso avaliar o paciente para observar e pontuar o que precisa ser trabalho. Procure um profissional e terá sucesso na melhora de sua postura. Fico a disposição para qualquer dúvida! Abraço

  7. Mt objetivo.Poderia tb ter orientação postural funcional com posturas do dia -a-dia só para mostrar ao paciente como essas posturas erradas diárias induzem a essas posturas.Grata

  8. Parabéns conteúdo muito importante para o Ed. Físico para quem poça por em prática e fazer as pessoas entender o movimento .

  9. Nossa, muito interessante esta abordagem, tenho muitos alunos com essa alteração postural e já vou aplicar amanhã.

  10. Parabéns pela precisão e eficácia das informações. Eu que sofro com o problema sei que uma boa orientação nos exercícios é fundamental!

  11. Meu filho tem 12 anos e tem hipercifose e lordose no pescoço e na lombar e escoliose , e já faz fisioterapia ha 2 anos , mas só a um ano que ta fazendo efeito porque ta fazendo ISO , e a sorte dele que ainda ta um pouco longe do estirão,masachk que ele vai acabar tendi que usar o colete . Então é isso e correr atraz do perejuizo.

  12. Exelente artigo! É muito bom termos boas informações como estas. Sou fisioterapeuta e trabalho com pilates, atendo muitos alunos com esta alteração postural. Comprei o curso de patologias da coluna Vertebral do grupo voll, todo o conteúdo é muito instrutivo e um ótimo curso. Parabéns!

  13. Amei tudo que li.. esclareceu de forma muito clara a importância do pilates . Estou com pedido médico pra fazer e vejo que irei melhorar muito. Uma luz para minha qualidade de vida será o pilates. Obrigado

    • Certamente Ana Lucia, o Pilates fará transformações maravilhosas na sua coluna e sua vida! Gratidão 🙏

  14. O Pilates das academias também ajuda no tratamento da cifose mesmo não utilizado aparelhos?
    Obrigado desde já

    • Olá Guilherme, pode ajudar sim. Lembrando que se seu objetivo é trabalhar as alterações especificas patologicas da coluna, também deve fazer uma avaliação específica para pontuar os melhores exercícios para você. Abraço

  15. Também gostei muito do texto!!!Informações claras e objetivas contribuindo para ampliar nossos conhecimentos !!! Obrigada!

  16. Adorei o Blog em si, principalmente este texto , pois recebo bastante pacientes com hipercifose torácica . E é sempre bom adquirir conhecimentos. Parabéns 👏🙏💋

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *