Junte-se a mais de 150.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Qual o seu melhor email?

Não é atoa que o Cadillac é um dos equipamentos mais queridinhos dos instrutores de Pilates e também dos alunos. Sua versatilidade proporciona uma grande variedade de exercícios que podem ser praticados desde dos níveis básicos até os mais avançados. 

Proporcionar novas experiências, desafiar e evoluir com os alunos são etapas fundamentais para mantê-los motivados e presentes cada dia mais nas aulas. E você sabia que os exercícios avançados no Cadillac podem te ajudar nesse momento?

Por isso, nesta matéria vamos te mostrar novos exercícios, mas principalmente, te ajudar a elaborar e conduzir aulas com exercícios avançados no Cadillac de forma segura e eficaz.

Mas que tal antes de irmos para prática, nós relembrarmos um pouquinho sobre esse equipamento desenvolvido pelo mestre Joseph Pilates? Vamos lá!

Conhecendo o Cadillac

É de extrema importância conhecermos a história e características dos equipamentos em vamos trabalhar para que possamos utilizá-los da melhor forma possível e até mesmo esclarecer eventuais dúvidas que os nossos alunos possam ter. 

O Cadillac ou também chamado de Trapézio recebe esse nome pois Joseph ficou tão orgulhoso com sua invenção que queria que ele fosse valorizado e desejado como o carro Cadillac era na época. 

Seu protótipo foi desenvolvido a partir de uma cama de hospital e levava como inspiração a prática do mestre no exílio em utilizar as molas das camas presas como resistência para os exercícios realizados com os colegas acamados. 

O Cadillac é um dos equipamentos mais conhecidos do Método Pilates e essa popularidade está ligada ao fato dele proporcionar o trabalho de todo o corpo e também, como mencionamos anteriormente, pelo variado grau de dificuldade. 

Ou seja, podem ser realizados exercícios básicos para alunos iniciantes, exercícios intermediários para alunos que praticam há algum tempo e os exercícios avançados no Cadillac (e aéreos) para alunos que já possuem experiência com o Método.  

Como elaborar aulas com exercícios avançados no Cadillac?

O Pilates Avançado é uma modalidade composta por exercícios que exigem que o aluno tenha uma boa consciência corporal, flexibilidade, estrutura muscular, força e equilíbrios para realizar os movimentos. E claro, muita dedicação e persistência!

Por isso, é extremamente necessário que o praticante já esteja inserido há algum tempo e tenha uma certa experiência com o Método Pilates, caso contrário, seu corpo poderá ser lesionado por falta de preparação. 

Com os exercícios avançados no Cadillac não é diferente! Por mais inovador que seja, o exercício deve ser sempre praticado com seriedade e utilizando todos os princípios

Nos vídeos abaixo, deixamos a demonstração de alguns exercícios avançados no Cadillac  para você incluir em suas aulas e começar a desafiar seus alunos agora mesmo. Confira!

Bom dia pessoal, hoje preparei alguns exercícios Avançados no Cadillac. #VemComigoObs: Só deixe seu aluno fazer exercícios complexos se você tem certeza absoluta que ele é capaz.

Posted by Keyner Luiz on Friday, May 12, 2017

 

Quer ideias de exercícios avançados no Cadillac? #Vemcomigo

Posted by Keyner Luiz on Friday, April 7, 2017

Quais são as principais dificuldades dos exercícios avançados no Cadillac?

As dificuldades que seu aluno podem encontrar ao realizar os exercícios avançados no Cadillac são bem similares à qualquer outro aparelho: desenvolver habilidades para alcançar os objetivos propostos pelo exercício e obter a competência para executar os movimentos com precisão

É fundamental que o aluno execute os exercícios avançados no Cadillac com qualidade, segurança, eficácia e respeitando todos os processos envolvidos. 

Conclusão

Como o próprio nome já diz, os exercícios avançados no Cadillac exigem um grau maior de complexidade e experiência dos alunos. Assim,é de suma importância que os instrutores de Pilates estejam capacitados e preparados para trabalhá-los. 

Outro item fundamental é saber evoluir gradativamente os exercícios (sem pular nenhuma fase) e respeitar os limites e dificuldades dos alunos para que todos os movimentos sejam feitos de forma segura. 

Caso contrário, ao invés dos motivá-los, os exercícios irão afastar os praticantes de suas aulas e temos certeza que não é isso que você deseja, não é mesmo?