Junte-se a mais de 200.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Qual o seu melhor email?

Cada vez mais frequente, as acrobacias de solo no Pilates, usualmente aplicadas nas técnicas de acroyoga, encantam alunos e instrutores e tem ganhado também o aceite de muitas celebridades. Basta uma rápida busca por hashtags referente ao tema nas redes sociais e uma enxurrada de imagens sugestivas aparecem.

O sucesso se dá pelo fato das posturas desafiadoras serem usualmente lidas como o “resultado” de todo o esforço empenhado durante a série de exercícios de Pilates evidenciando os ganhos de força e flexibilidade além de serem traduzidas em imagens altamente instragramáveis.

Quer conhecer mais sobre as acrobacias de solo e saber como elas podem ser ótimas aliadas para tornar suas aulas de Pilates mais atrativas? Então continue lendo e confira!

Princípios das acrobacias de solo

As acrobacias referem-se a uma prática derivada do Yoga e das artes circenses que integram basicamente 3 pessoas com funções distintas, são elas:

  • Base: pessoa que usualmente sustenta o movimento dos demais. O principal requisito para a base é força, calma e boa comunicação;
  • Voador: pessoa que realiza as posturas de forma suspensa. Este deve apresentar força e flexibilidade, mas sobretudo, calma para realizar de forma correta a entrada e saída dos movimentos;
  • Anjo: o olheiro necessário para evitar que os acidentes ocorram. Deve posicionar-se próximo aos demais oferecendo suporte físico e motivacional quando necessário. É responsável por oferecer informações relativos aos ajustes necessários para correta realização dos movimentos, bem como indicativos dos momentos de entrada e saída das posturas.

 Como inserir as acrobacias de solo no Pilates?

A técnicas de acrobacias de solo no Pilates traduzem os principais conceitos do Método pois, exigem para manutenção das posturas, além de flexibilidade e controle de core, atenção especial à respiração, concentração e fluidez dos movimentos.

Neste sentido, tendo em vista as técnicas de consciência corporal e todo o controle adquirido através das aulas fica mais fácil de atingir e sustentar as posturas propostas.

Além disso, as acrobacias de solo no Pilates servem como uma estratégia de tornar a aula mais divertida e interativa, atraindo sobretudo, o público feminino jovem. É uma ótima forma também de integrar casais durante as aulas.

O convencimento para realização desta atividade é, usualmente fácil devido à beleza dos movimentos realizados. Imagine que você recebe em seu Studio, assim como recebo frequentemente no meu espaço, uma aluna cujo objetivo é alcançar uma postura como ponte ou parada de mão, algo que, para ela, a princípio, parece muito distante.

De repente, após a realização de uma série de exercícios direcionados, ela consegue não apenas atingir o objetivo mais integrá-lo em uma figura linda com o suporte de demais colegas tornando aquele momento único e mágico.

Vale lembrar que, embora sejam usualmente realizadas no chão, acrobacias de solo no Pilates podem também ser formadas nos equipamentos, sendo o Cadillac e o Barrel cheios de possibilidades.

Nestes casos, deve-se respeitar a limitação espacial das bases do equipamento, assim prefira utilizá-los em posturas mais simples e/ou com praticantes mais experientes.

Para as figuras mais desafiadoras e complexas prefira a realização sobre tatames ou espaços seguros nos quais seja possível desequilibrar-se sem machucar.

Benefícios das acrobacias de solo no Pilates    

As acrobacias de solo no Pilates trabalham, além de fatores físicos, os fatores emocionais e terapêuticos como a confiança, sobretudo nas posturas que exigem suspensão e que integram um número maior de pessoas.

Assim, para o sucesso da prática faz-se necessária a comunicação clara e não violenta acompanhada de controle físico e emocional tornando estes exercícios grandes aliados para as pessoas que buscam a prática de atividade física como tratamento para questões como depressão e ansiedade.

A realização das posturas pode tornar mais visível ao seu aluno a importância de exercícios focados em determinados segmentos corporais com o objetivo de fortalecimento e/ou ganho de flexibilidade tornando-o assim, mais adepto à realização de exercícios tão temidos como teaser e o hundred, por exemplo, sem que estes lhe pareçam um castigo.

Cuidados e Contraindicações

A inovação requer alguns cuidados. Ao propor a montagem das acrobacias de solo no Pilates durante as aulas, o instrutor deve ter em mente:

  • O estado de saúde e a capacidade física de seus alunos: propondo apenas exercícios que forem seguros para todos os envolvidos. Avalie a pertinência e capacidade de realização sobretudo para alunos idosos, com patologias preexistentes e gestantes;
  • O olhar direcionado à atividade: verificando qual aluno se adequa melhor em cada posição durante a composição do movimento;
  • As explicações necessárias para compreensão da postura a ser realizada: bem como as técnicas de entrada e saída do movimento. Se possível, exemplifique.
  • Cuidado para não gerar segregação: devido ao impedimento da participação de alunos que apresentarem restrições físicas ou incapacidade de participação nesta prática;
  • O fator motivacional: considerando sempre a possibilidade de realização da atividade proposta a fim de evitar a decepção pelo não cumprimento da tarefa proposta;
  • O perfil de cada aluno: há alunos que buscam o Método justamente por ser uma atividade realizada de forma mais concentrada e individual e, para estes, as técnicas de acrobacias de solo no Pilates talvez não sejam bem aceitas. Conheça seu aluno!
  • Os feedbacks: ofereça a seu aluno uma breve avaliação ao final de cada postura proposta indicando seus pontos fortes e aqueles que necessitam ser trabalhados em maior intensidade. Defina prazos para repetição e metas a serem alcançadas. Nada motiva mais o ser humano que os desafios.
  • Sua confiança: Apenas proponha a seus alunos técnicas que você realmente domina e confia. Caso seja necessário, busque formações específicas e/ou suporte de praticantes mais experientes.

 Como utilizar as acrobacias como estratégia de marketing?

Como mencionei anteriormente, as acrobacias de solo no Pilates podem ser ótimas para atrair e fidelizar os alunos de seu Studio. Por isso, listei abaixo algumas estratégias de marketing que com certeza irão te ajudar a divulgar essa técnica.

  • Conquiste seu aluno com a proposta de exercitar-se ao mesmo tempo em que se diverte;
  • Proponha encontros nos quais sejam possíveis praticar apenas estas posturas. Os espaços abertos tendem a serem ótimos aliados além e proporcionarem a integração de um número maior de pessoas e a troca de informação entre as mesmas;
  • Crie desafios de postagem em redes sociais estimulando seus alunos a compartilharem suas conquistas;
  • Faça acompanhamentos do seu aluno propondo evoluções da mesma figura de modo que seja possível acompanhar as melhorias alcançadas. Estas simples técnicas auxiliam na fidelização de seus alunos que, ficam motivados a melhorarem seus resultados;
  • Seja o exemplo: pratique você também! Monte figuras e faça propostas junto a seus alunos. As práticas aliadas aos instrutores geram integração além de admiração por seu trabalho. Todo aluno gosta de realizar algo parecido ou em conjunto com quem lhe ensina.

Conclusão

Está esperando o que para inserir as acrobacias de solo no Pilates?

Sem dúvida alguma, as acrobacias irão proporcionar aos seus alunos mais resistência física e melhora da consciência corporal aliada ao equilíbrio, coordenação motora, confiança e flexibilidade. E para nós, instrutores de Pilates, alunos fidelizados e aulas mais dinâmicas! Demais, né?!

Espero que as dicas apresentadas neste artigo sirvam de direcionamento para inovação e melhor integração dos alunos em seu Studio.


























Banner Circuito TF