Junte-se a mais de 150.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Qual o seu melhor email?

É possível que o tratamento da hipercifose torácica seja feito com o Método Pilates?

Nesta matéria, contamos um pouco sobre quais exercícios podem ser aplicados no tratamento da hipercifose torácica.

Primeiro, vamos entender mais sobre o que é essa doença que deixa a coluna com um formato “corcunda”.

O que é Hipercifose Torácica?

A hipercifose torácica é o aumento da curvatura da coluna torácica no plano sagital.

Normalmente, a curva torácica possui entre 20° e 50° Cobb, considerado o limite entre o fisiológico e o patológico.

Pode ser secundária a doenças como osteoporose e espondilite anquilosante que, por meio de processos degenerativos, alteram a morfologia das vértebras e modifica, de inúmeras formas, a constituição da coluna vertebral devido o enfraquecimento muscular e mudanças osteoarticulares. A maioria dos casos diagnosticados é em idosos e mulheres.

O tratamento da hipercifose torácica pode ser feito a partir do fortalecimento dos músculos extensores da coluna, abdominais e outros exercícios estabilizadores, orientações posturais e uso de palmilhas.

O Método Pilates é dinâmico e pode ser adaptado e personalizado de acordo com a necessidade do aluno. Por isso, torna o processo de reabilitação menos cansativo.

Para o tratamento da hipercifose torácica, é importante que os exercícios componham principalmente:

  • Fortalecimento de musculatura posterior da coluna
  • Fortalecimento da musculatura do dorso
  • Alongamento musculatura peitoral
  • Mobilidade da coluna dorsal

Exercícios para tratamento da Hipercifose Torácica

A realização dos exercícios no tratamento da hipercifose torácica deve explorar todos os espaços e equipamentos disponíveis no Studio.

1. Swan

Swan

Os objetivos aqui são alongar a cadeia anterior do tronco, mobilizar a coluna em extensão e fortalecer o músculo deltóide, tríceps braquial e peitoral maior. 

Para realizá-lo é necessário estar em decúbito ventral, apoiar as mãos sobre o mat paralelamente aos ombros, estender os cotovelos e o tronco. A cabeça deve permanecer alinhada com a coluna. Para finalizar, basta retornar à posição inicial.

2. Swan Dive

Swan Dive

Neste exercício, os objetivos para tratamento da hipercifose torácica são fortalecer os extensores da coluna, isquiotibiais e glúteos, alongar a cadeia anterior e flexores do quadril e mobilizar a coluna em extensão.

A realização começa pelo decúbito ventral mat, com os membros inferiores estendidos e os dedos dos pés em leve extensão. Deve-se colocar as palmas das mãos no mat abaixo dos ombros, alongar os pés elevando-os um pouco do solo e, ao mesmo, estender os membros superiores e elevar o tronco do chão, flexionar os membros superiores e deixar o corpo balançar para a frente. Após finalizar, volte para a posição inicial.

3. Double Leg Kick

Double Leg Kick

Os objetivos deste exercício se dividem em fortalecer os extensores da coluna, melhorar o controle dos isquiotibiais, alongar o peitoral e melhorar a mobilidade da coluna torácica. 

Em decúbito ventral no mat, com a cabeça virada para um dos lados, os membros inferiores devem ser unidos e os pés apontados, é necessário segurar as mãos entrelaçadas atrás das costas e manter o cotovelo tocando o chão. Na sequência, flexione os joelhos e realize três chutes em direção aos glúteos. Após o movimento, sem separar as mãos, alongue os membros superiores para cima, longe das costas. Tanto os membros inferiores quanto as costas serão elevados simultaneamente. Para retornar à posição inicial, vire a cabeça para o lado oposto.

4. Spine Stretch com bola

Spine Stretch

No tratamento da hipercifose torácica, este exercício é realizado para fortalecer a musculatura paravertebral e abdominal e mobilizar a coluna.

De joelhos no mat, com a coluna ereta, olhe para o horizonte e apoie as mãos sobre a bola. Em seguida, inicie o movimento aproximando o queixo do peito, formando um “C” com a coluna e empurre a bola para frente, desse modo, as vértebras vão se desenrolando até estender a coluna.

Volte formando novamente um “C” com a coluna para atingir a posição inicial.

5. Swimming

Swimming

No Swimming, os objetivos são fortalecer a musculatura paravertebral e alongar a concavidade da coluna vertebral. 

Em decúbito ventral no mat, estenda os membros inferiores e superiores para realizar a extensão do tronco. Simultaneamente, eleve um membro superior com o membro inferior contralateral, em seguida retorne à posição inicial e alterne os membros.

6. Rocking

Rocking

Deve ser realizado em decúbito ventral. Mantenha os joelhos flexionados e segure os pés com as mãos, realize a extensão do tronco e retorne à posição inicial. Este exercício fortalece os músculos paravertebrais, alonga a cadeia anterior e mobiliza a coluna em extensão.

7. Rolling Back

Rolling Back

Seus objetivos são fortalecer a musculatura abdominal e mobilizar a coluna vertebral. Sente-se no colchonete com os joelhos estendidos e os pés apoiados na parede, segure a barra de madeira fixa nas molas e faça uma flexão de tronco. 

Em seguida, desça desenrolando as vértebras até tocar o chão totalmente. Para retornar à posição inicial, faça uma extensão de tronco e suba até o completo alinhamento da coluna.

8. Open Arms

Open Arms-tratamento-da-hipercifose-toracica

Neste exercício, o objetivo é fortalecer rombóides, deltóide posterior, redondo menor, infra e supra-espinhoso. 

Para realizá-lo é necessário estar em pé, de frente para as molas que serão utilizadas. Flexione os ombros a 90° e estenda os cotovelos para segurar as alças de mão, realize a abdução horizontal do ombro. Retorne para a posição inicial para finalizar o movimento.

9. Swan Front

Swan Front-tratamento-da-hipercifose-toracica

Realizado para fortalecer os músculos paravertebrais, reto abdominal, mobilizar a coluna vertebral em extensão, alongar a cadeia anterior do tronco e estabilização escapular. Em decúbito ventral na Chair, apoie as mãos nos pedais e mantenha a coluna vertebral alinhada. Para retornar para a posição inicial, realize a extensão da coluna.

10. Hamstring Stretch

Hamstring Stretch

Fortalece os músculos abdominais, iliopsoas, tríceps braquial, alonga os paravertebrais, a cadeia posterior, principalmente isquiotibiais, aumenta a amplitude e a mobilidade articular, mobiliza a coluna e desenvolve a consciência corporal. Deve ser realizado em pré, em frente a Chair. Deixe os pés em paralelo e as mãos apoiadas no step e flexione o tronco para empurrar o step para baixo.

Existe uma variação do exercício em que o step é empurrado para baixo enquanto um membro superior mantém a posição e o outro membro é levado para cima da cabeça. Com o membro superior estendido, são realizadas rotações do tronco e da cabeça.

11. Sit up

Sit up-tratamento-da-hipercifose-toracica

Com os objetivos de desenvolver o controle, a força, a estabilidade e o alinhamento do tronco, além de fortalecer músculos abdominais e paravertebrais e mobilizar a coluna vertebral, este exercício deve ser realizado em decúbito ventral sobre o Barrel. Deixe os cotovelos estendidos com as mãos atrás da cabeça, apoie os pés no espaldar e deixe os joelhos flexionados, enrole a coluna para frente até se sentar. Ao fim, retorne para a posição inicial.

12. Leg Extension

Leg Extension

Neste exercício, os objetivos são fortalecer os músculos paravertebrais, rombóide maior, reto abdominal, glúteo máximo e isquiotibiais e estabilização escapular. Deve ser iniciado em decúbito ventral sobre o Barrel. Flexione os cotovelos e o quadril e mantenha as mãos apoiadas no espaldar para realizar a extensão dos membros inferiores.

13. Arms Pulling

Arms Pulling-tratamento-da-hipercifose-toracica

Desenvolve o controle, a força, a estabilidade e alinhamento do tronco e da cintura escapular, fortalece o deltóide, grande dorsal, trapézio inferior, infraespinhoso e rombóides e controla a postura com a ativação do Power House. Sente-se com os membros inferiores cruzados, segure as alças de mãos, realize a flexão dos cotovelos e a extensão dos ombros. Em seguida, retorne para a posição inicial.

Conclusão

Como você pôde ver, existe uma variedade imensa de exercícios do Pilates que podem ser aplicados para o tratamento da hipercifose torácica.

Todos os princípios do Pilates devem ser passados para aluno, tanto em feedbacks constantes quanto na realização dos exercícios. Vale sempre lembrar que o posicionamento correto do paciente durante o exercício, trabalhando o corpo todo, é fundamental para a reabilitação ser mais eficiente.