Posted in:

ESPECIAL – 10 áreas de atuação para se trabalhar: Pilates na Escola

Pilates-na-Escola-1

IMPORTANTE: Este conteúdo é exclusivo para profissionais e estudantes de fisioterapia e educação física que ainda não tem curso/formação no Método Pilates. Se você já possui, este texto não é para você. Agora, se você quer conhecer mais sobre Pilates ou pensa em fazer um curso, é para você!

Como já falamos, este é um guia completo com todos os detalhes, que você precisa saber sobre os 10 campos de atuação para trabalhar com Pilates. Lembrando que iremos postar todo sábado até o final do ano!

Quer saber mais sobre esse guia ou perdeu a dica anterior? Você pode conferir nesse link: http://blogpilates.com.br/pilates-em-clubes/

No sexto texto dessa série, iremos falar sobre como trabalhar com o Pilates na escola. Confira.

 Uma área em ascensãoPilates-na-Escola-4

Joseph Pilates disse: “Primeiro, eduque a criança”. Este foi um dos três grandes sonhos de criador do Método, ele desejava ver o Pilates disseminado nas escolas.

Joseph acreditava que assim como as crianças aprendiam matemática e ciências e levavam isso para a sua vida, elas deveriam aprender sobre seus corpos, sobre suas posturas e sobre como ter uma vida saudável.

Brett Howard, um dos grandes nomes de Pilates na atualidade, acredita que grande parte das doenças que desenvolvemos ao longo dos anos seriam evitadas se desde a infância nós entendêssemos e praticássemos o Método Pilates.

Você como um profissional da área da saúde, acredito que deve concordar com todas as afirmações acima. Portanto, neste post, queremos te apresentar a área do Método Pilates que mais irá crescer nos próximos anos.

E você pode estar se perguntando: Porque irá crescer mais que todas as outras?

Vou te apresentar 5 motivos para acreditar nisso:

  1. É a área do Pilates menos explorada atualmente (ainda não foi descoberta);
  2. Dentre todas as áreas, ela é a mais simples de se implementar o método Pilates e com o menor custo;
  3. Existem mais de 200 mil escolas no Brasil;
  4. O número de crianças obesas no Brasil cresceu mais de 1.000% nos últimos anos e 39% das crianças brasileiras estão obesas e com sobrepeso;
  5. Quase 32% das crianças brasileiras são sedentárias.

Perceba que são muitos os argumentos que você tem para começar a trabalhar nas escolas. Além de ajudar a convencer os diretores, professores, pais e alunos sobre a importância da prática do Método Pilates no ambiente escolar.

Ao apresentar uma proposta do Método Pilates para uma escola, você deve deixar claro que todos podem participar deste momento: alunos, professores e pais. Ou seja, todos sairão ganhando com isso.

Benefícios Pilates na EscolaPilates-na-Escola-2

Dentre os benefícios que o Pilates na escola poderá promover, nós destacamos:

  • Para os alunos

São inúmeros os benefícios do Pilates para as crianças e os motivos do porque essa atividade é perfeita para os pequenos.

Algum desses benefícios são a melhora na circulação sanguínea; maior percepção do próprio corpo e do espaço ocupado; aprimoramento do alinhamento postural que consequentemente cria uma consciência de postura; redução o sedentarismo e por consequência a obesidade infantil…

Quer saber mais? Confira a lista completa dos 34 benefícios do Pilates para crianças.

  • Para os professores

Dentre os diversos benefícios citados que o Método proporciona, tem alguns que são essenciais para a fase de crescimento da criança e melhoraram o desempenho dos alunos em sala de aula, o que com certeza ajuda o professor dentro da sala de aula.

São eles: a melhora da atenção e do sono da criança, o aumento da disciplina, além de trabalhar a mente dos alunos, desenvolvendo a concentração simultaneamente ao condicionamento da consciência corporal.

  • Para os pais

Os benefícios do Pilates para as crianças também afetam diretamente os pais. Isso porque o Método irá aumentar a qualidade de vida em diversos sentidos da criança, também irá contribuir para a vida dos pais.

Além de ser benéfico para a saúde em geral do aluno, o Pilates previne lesões, melhora a coordenação motora e promove o crescimento.

Que pai que não quer tantos benefícios para seu filho?

  • Para a Escola

A prática de Pilates na escola pode também trazer muitos pontos para a instituição. Isso porque uma escola que oferece o Pilates e traz esses benefícios, se torna bem vista pelos funcionários, pais e alunos. E como isso pode ser bom?

A instituição vai para outro patamar, se torna diferenciada das demais, por oferecer coisas boas a mais que as demais.

Como é uma aula de Pilates na Escola? Pilates-na-Escola-7

Na prática, o Pilates na Escola significa que você vai trabalhar o Pilates Solo de forma mais lúdica e adaptada. Claro, que se a Escola resolver se equipar com equipamentos, você irá aproveitar, mas isso dificilmente irá acontecer.

As aulas terão em torno de 30 minutos e você fará uso de exercícios de solo e com acessórios. Deve promover trabalhos lúdicos, adaptados e feitos em grupos.

Além de trabalhar as aptidões físicas das crianças, o Pilates na Escola trabalha a autoestima, o trabalho em equipe, a cooperação, a diversão e o respeito.

Os resultados são rápidos e todos percebem claramente os benefícios que a prática proporciona. Todos, sem exceção irão se apaixonar por você e este será um dos trabalhamos mais recompensados que você terá.

Obviamente, que quando falamos de crianças, precisamos entender que a paciência deve ser uma virtude que você precisa ter.

Como irei trabalhar o Pilates na Escola?Pilates-na-Escola-3

Primeiramente, você precisa apresentar um projeto de trabalho e fechar um contrato com a Escola. Dentro desta carta de proposta você precisa reforçar os benefícios que todos terão e em especial para a marca da Escola. Em outras palavras, o quanto isso vai elevar a moral, a consideração das pessoas pela Escola.

Se a Escola colocar no papel, o valor que ela investirá é irrisório, diante dos benefícios.

Geralmente a Escola um espaço para você aplicar as aulas. Se isso não foi possível, você pode aplicar dentro da sala mesmo, afastando as carteiras para as laterais.

O seu investimento para conseguir aplicar o Pilates na Escola será: Mat e Acessórios (30 de cada).

E quanto aos riscos?

Falando sobre riscos neste negócio, eles são muito pequenos, afinal, você faz um investimento muito pequeno e fecha contratos, ou seja, tem a certeza de pagamentos programáveis durante o ano todo e quanto mais contratos, maior é o seu lucro.

O melhor de tudo é que você consegue tornar o seu negócio altamente escalável, ou seja, nada te impede de fechar contratos para mais escolas – 5, 10 ou 50 – lembrando que esta área ainda não é explorada.

O que mais você quer então? Investimento irrisório, pagamentos mensais garantidos, trabalhar com crianças, mudar a vida das pessoas e ainda poder expandir seu negócio em grandes escalas.

Se você tem perfil arrojado vai gostar mais ainda desta área e lembrando um velho ditado: “Não ganha o mais forte, mas sim o mais rápido”. Portanto, quem chegar primeiro e consolidar o nome, vai ter mais chances de sucesso.

O profissional da educação física tende a ter uma certa vantagem para atuar na Escola, mas nada impede o fisioterapeuta de conseguir.

As aulas serão na sua maioria em grandes grupos de 20 ou 30 pessoas, portanto, você precisa aprimorar muito o comando verbal.

Dica de marketing: Se conseguir, dê uma semana de aulas experimentais gratuitas para a Escola e depois entreviste os envolvidos.

Importante: Para entrar na Escola você não envia seu currículo, mas sim um plano de negócio, na qual você precisa mostrar a Escola o que ela ganhará em todos os aspectos com a implementação do Pilates na Escola. Caso você consiga demonstrar isso, tem grandes chances de entrar no clube.

Checklist  – Pilates na EscolaPilates-na-Escola-6

  • Remuneração média: Impossível estimar. É muito variado
  • Mercado Aquecido: 2 estrelas
  • Preferência por: Leve predominância para Profissionais de Educação Física
  • Principais horários de trabalho: 07h as 12h e 13h às 17h
  • Pontos + Positivos: Menor investimento, risco baixo e quase nem explorado.
  • Ponto de Atenção: Você precisa ter um bom marketing pessoal e uma excelente apresentação comercial para convencer a Escola.
  • Perspectiva de Futuro: Crescimento muito acima da média.
  • Utiliza-se mais Mat ou Equipamentos: Somente Mat e Acessórios
  • Quantidade de Alunos por horário: 20 a 30.

 Concluindo…Pilates-na-Escola-5

Espero que esse texto comece a clarear essas informações para você que tem muitas dúvidas sobre sua carreira e futuro com o Método e principalmente se tinha alguma dúvida em Pilates na escola.

Vale lembrar que esse é a sexta dica das 10 que vamos passar para você ao longo dos textos!

Não perca, todo sábado, uma dica nova para você se preparar para seu futuro e construir uma carreira com o Método Pilates.

Gostou? Tem alguma dúvida? Deixe nos comentários!

E não se esqueça de compartilhar para seus amigos que também pensam em seguir essa carreira!

 

2 Comentários

Deixe um Comentário
  1. Para quem ja tem o curso de mat pilates é necessario fazer algum treinamento ou seja teria algum.difetencial em se tratando de crianças?

  2. Qual a media da idade das crianças? A partir de que idade pode começar a praticar o método? Quantas vezes na semana é ideal?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *